pexels-photo

Na contramão de loja física, varejo online acelera contratação temporária

Impulsionado pela quarentena, o comércio eletrônico vai expandir a contratação de trabalhadores temporários para a Black Friday e o Natal, em um movimento que vai na contramão do que as lojas físicas pretendem fazer neste ano.
No Mercado Livre, a meta é ampliar a equipe em dez vezes mais do que na temporada de 2019, levando 5.300 pessoas aos centros de distribuição e 5.000 motoristas terceirizados. O Magazine Luiza vai contratar 3.000 na logística para o fim do ano.
Nas lojas físicas, por outro lado, as previsões da Confederação Nacional do Comércio estimam para este ano o menor número de vagas sazonais no varejo desde 2015.
A Black Friday deste ano deve registrar disposição de consumo mais forte entre as pessoas que não têm conta-corrrente, segundo o Instituto Locomotiva: enquanto 66% dos desbancarizados pretendem gastar como no ano passado, quase 50% dos que têm conta em banco dizem que vão gastar menos.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *